Vinho Português - As Regiões Vinícolas de Portugal

Vinho Português – As 13 Regiões Vinícolas de Portugal

92 / 100

O Vinho Português é muito conhecido não só pela sua qualidade mas também pela diversidade, tanto de vinhos como castas para produzir esses mesmos vinhos – atualmente são mais de 250 de espécies de uvas nativas.

Conhecido pelo seu tradicionalismo, Portugal hoje em dia é o 11º maior produtor mundial de vinho, logo a seguir à Alemanha, representando em média 3% de toda a produção mundial.

Vinho Português - As Regiões Vinícolas de Portugal

Portugal é conhecido pelo vinho doce fortificado, o vinho do Porto, e também pelos vinhos Madeira e Verde. Atualmente a região de Lisboa também já está a ganhar grande destaque nos mercados internacionais, aumentando assim a sua procura.

Vamos então saber mais sobre vinho português:

Como classificar o Vinho Português

Durante muitos anos os critérios de classificação do vinho português prejudicava o processo por serem confusas pois limitava as uvas, as técnicas, as leis… No entanto, com a entrada de Portugal na União Europeia o país ganhou denominações de origem. São elas:

DOC ou DOP

Classificam-se assim os vinhos com origem mais rigorosa – Denominação de Origem Controlada (DOC) ou Denominação de Origem Protegida (DOP). Um dos critérios desta classificação é a quantidade máxima de colheita de uvas.

Vinho Regional

Outro parâmetro que classifica os vinhos portugueses é a Indicação Geográfica (IG) ou Indicação Geográfica Protegida (IGP). Mais simplesmente, Vinho Regional.

Vinho de Mesa

O último critério na classificação de vinho português são os Vinhos de Mesa, que não estão sujeitos às normas de controlo de qualidade, origem ou castas das uvas.

Vinho Português - As Regiões Vinícolas de Portugal
Regiões Vinícolas Portuguesas

Para poder conhecer melhor cada região, atente nos parâmetros a cima mencionados.

Conhece todas as regiões de Vinho Português?

Vinho Verde

IG – Minho / DOC – Vinho Verde.

O cultivo de uvas nesta região é muito diferente das demais. Por serem cultivadas acima do solo, estas uvas têm um amadurecimento mais lento podendo assim existir um maior equilíbrio entre a doçura e a acidez.

O clima frio, o cultivo elevado das uvas e as castas cultivadas na Região são fatores benéficos para quem quer produzir este tipo de vinho.

Vinho Português - As Regiões Vinícolas de Portugal

Trás-os-Montes

IG – Trasmontano / DOC – Trás-os-Montes

A Região de Trás-os-Montes, conhecida por muitos pelos seus inigualáveis montes e vales, trás para as suas uvas características únicas. Os vinhos Transmontanos são conhecidos não só pela diversidade mas também pela qualidade.

Os vinhos brancos apresentam um equilíbrio aromático, de aromas frutados e florais, e uma acidez correta. Quanto aos vinhos tintos estes apresentam uma intensidade consistente e elevada, sendo bem estruturados.

Vinho Português - As Regiões Vinícolas de Portugal

Douro

IG – Duriense / DOC – Douro e DOC – Porto

O Vale do Douro é uma região portuguesa conhecida pelo Vinho do Porto. Segundo a mitologia, esta bebida surgiu para melhorar a qualidade dos vinhos de mesa que possuíam uma qualidade duvidosa.

A classificação do Vinho do Porto varia de acordo com o tempo de estágio. Quando a bebida é conservada por dois ou três anos, é chamado de Ruby; caso fique um período maior, o vinho é chamado de Tawny.

Vinho Português - As Regiões Vinícolas de Portugal

Dão

IG – Terras do Dão / DOC – Lafões e DOC – Dão

A maioria das vinhas plantadas nesta região possuem uvas pretas, sendo o perfil do vinho marcado por ser seco, duro e com uma persistente doçura. O facto do frio afetar a Região do Dão dificulta a maturação das uvas e os taninos podem ser mais fortes.

Vinho Português - As Regiões Vinícolas de Portugal

Bairrada

IG – Beira Atlântico / DOC – Bairrada

Esta região concorre diretamente com a Região do Dão devido à qualidade dos seus vinhos. Duas das castas que poderá encontrar na Bairrada são a Baga (casta tinta vigorosa, com cachos pequenos e maturação tardia) e a Bical (casta muito precoce, de elevado potencial alcoólico e produz vinhos macios e aromáticos).

Vinho Português - As Regiões Vinícolas de Portugal

Beira Interior

IG – Terras da Beira / DOC – Beira Interior

O clima bem acentuado, com invernos e verões rigorosos, e os solos arenosos e graníticos dão características muito especiais às uvas que lá são cultivadas.

Os vinhos tintos caracterizam-se por ser intensos, equilibrados e jovens. Quando se fala de vinhos brancos estes caracterizam-se não só pela notória qualidade mas também pelo aroma e a persistência de sabor.

Vinho Português - As Regiões Vinícolas de Portugal

Lisboa

G – Lisboa / DOC – Encostas d´Aire, DOC – Óbidos, DOC – Alenquer, DOC – Arruda, DOC – Torres Vedras, DOC – Lourinhã, DOC – Bucelas, DOC – Carcavelos e DOC – Colares

LMH-Wines, da Região de Lisboa, apresenta estes dois exemplares de Vinho Português.

A Região de Lisboa é considerada a mais produtiva em Portugal totalizando cerca de 55 mil hectares de uvas cultivadas e isto deve-se à forte influência do Oceano Atlântico.

Atualmente a Região de Lisboa une-se por duas que, antigamente, eram designadas como: Estremadura (mais a noite) e Ribatejo (mais a Sul). Os vinhos desta Região possuem um teor alcoólico mais baixo e são conhecidos pela sua leveza.

Vinho Português - As Regiões Vinícolas de Portugal

Tejo

IG – Tejo / DOC – Do Tejo

A Região do Tejo é uma das mais antigas de vinho português do país. O clima temperado serve de base à criação de vinhos macios, aveludados e frutados.

Os vinhos tintos normalmente são blends de várias castas, tanto nacionais como internacionais, que resulta em vinhos muitos originais, com taninos suaves e grande complexidade de aromas.

Por outro lado, os vinhos brancos – devido ao variado uso de castas na região – caracterizam-se pela cor citrina, aroma fino e muito frutado, demonstrando assim grande leveza aquando a sua prova.

Vinho Português - As Regiões Vinícolas de Portugal

Península de Setúbal

IG – Península de Setúbal / DOC – Setúbal e DOC – Palmela

Por possuir um clima mediterrâneo a Região da Península de Setúbal é marcada pelas altas temperaturas. Os vinho que são produzidos nesta Região são frutados, jovens e com uma boa acidez.

Sem deixar de falar o tão conhecido Moscatel de Setúbal, que é produzido nesta Região, corre além fronteiras deixando os mais fanáticos a pedir por mais.

Vinho Português - As Regiões Vinícolas de Portugal

Alentejo

IG – Alentejano / DOC – Alentejo

A qualidade do vinho Alentejano advém das altas temperaturas e da pouca chuva, que dão características muito específicas às uvas. Além disso, as colinas elevadas são responsáveis por fornecer rolhas de cortiça de grande qualidade.

A Região do Alentejo tem como caractística a produção do vinho tinto mais refinado, com taninos médios e a produção do vinho branco com corpos médios a encorpados.

Vinho Português - As Regiões Vinícolas de Portugal

Algarve

IG – Algarve / DOC – Lagos, DOC – Portimão, DOC – Lagoa e DOC – Tavira

O extremo Sul de Portugal Continental é uma região bem definida pela proximidade ao mar, clima, vegetação natural e cultura que dão as características a um vinho único.

O vinho branco na sua generalidade é um vinho delicado e suave aquando a sua prova, apresentando um travo característico de uma região quente. Por outro lado, o vinho tinto geralmente é aveludado, encorpado e bem estruturado, adquirindo grande parte das vezes um tom topázio.

Vinho Português - As Regiões Vinícolas de Portugal

Madeira

IG – Terras Madeirenses / DOC – Madeira e DOC – Madeirense

O sabor dos vinhos produzidos na ilha Madeira é conhecido pela qualidade devido ao estágio e ao consequente envelhecimento. Esta região é capaz de produzir vinhos extremamente duradouros, seja por décadas ou, até mesmo, séculos.

Os vinhos Madeira harmonizam doçura e acidez, deixando a boca com a sensação limpa quando consumida.

Vinho Português - As Regiões Vinícolas de Portugal

Açores

IG – Açores / DOC – Graciosa, DOC – Biscoitos e DOC – Pico

A exploração e a cultura das uvas na Região dos Açores é feita em três ilhas; Graciosa, Biscoitos e Pico.

Em grande parte as uvas cultivadas nos Açores oferecem grande frescura no palato e uma acidez notável devido ao clima, também este diferente. Um grande destaque desta região é o Vinho Generoso da Ilha do Pico.

Vinho Português - As Regiões Vinícolas de Portugal

Já conheçe o vinho português da LMH-Wines? Clique aqui.

LMH-Wines

Siga-nos no FacebookInstagram e no LinkedIn para conhecer mais sobre vinho português e produtos da LMH-Wines. Subscreva a Newsletter e não perca as nossas novidades mais exclusivas.

TOP